Publicador de Conteúdos e Mídias

null Mais uma onda de evolução

icone

central de notícias

O novo terminal portuário da Klabin no Porto de Paranaguá (PAR-01) já está funcionando. Entenda um pouco mais sobre os múltiplos benefícios que a instalação pode trazer para a nossa parceria.
esquerda direita
Mais uma onda de evolução

O novo Terminal Portuário da Klabin (PAR-01) construído no Porto de Paranaguá já está em pleno funcionamento. Essa entrega é mais um símbolo da nossa conexão com o desenvolvimento sustentável e visão de longo prazo. Sua existência eleva ainda mais a Klabin a padrões mundiais de excelência em produtividade, qualidade e eficiência operacional nas exportações, conferindo mais sustentabilidade a toda a cadeia logística, além de solidez e segurança para nossos parceiros florestais.

 

 

Bom para a produtividade, a segurança e o meio ambiente

Contando com 27 mil metros quadrados, o espaço mobilizou cerca de 180 profissionais durante o pico das obras, a maioria moradores de Paranaguá e cidades vizinhas. Com a reforma, podemos receber no cais comercial do porto os carregamentos de celulose e papel das unidades Puma e Monte Alegre. Junto ao terminal, também foram construídos dois quilômetros de ramais ferroviários, que agilizam o transporte da carga entre as fábricas da Klabin e o porto.

Durante o processo de licenciamento do terminal, uma equipe do Instituto Água e Terra do Paraná (IAT) veio inspecionar o local e verificar se tudo estava de acordo com os projetos aprovados.  A Licença de Operação do Armazém foi concedida, comprovando a conformidade com as exigências ambientais definidas para esse tipo de obra.

Com tudo pronto e legalizado, as operações do novo terminal começaram efetivamente em dezembro de 2022 e sua inauguração oficial ocorreu no dia 22 de março deste ano. Segundo a analista de Logística Nacional da Klabin, Elisa Carneiro de Leão José, “o PAR-01 é um marco para a cidade. Ele abre portas para as pessoas e a cidade ganharem com a geração de empregos. Sou muito apaixonada pela operação portuária porque ela te conecta com o mundo”. Clique aqui para ver como foi a inauguração do porto.

O PAR-01 ainda traz produtividade e competitividade no modal Break Bulk (carga solta, em inglês), modalidade de transporte que dispensa a utilização de contêineres. Nesse caso, a carga é levada diretamente no interior dos navios. Os benefícios são muitos, como a redução de cerca de 1.200 viagens de caminhão por dia de operação, por navio. Isso reduz consideravelmente as emissões de CO2 e diminui o trânsito nas rodovias e os riscos de acidentes.

 

Mas não para por aí!

Segundo o Coordenador de Logística, Gerson Ferreira, o PAR-01 vem conquistando ótimos resultados desde o início das operações. “Nós temos um painel de indicadores que nos permite acessar e acompanhar diversas informações sobre o Terminal Portuário, e já temos visto retornos muito positivos. Para se ter uma ideia, das 277 mil toneladas de produtos Klabin que recebemos em nossas instalações até o momento, já foram embarcadas 275 mil toneladas em nossos navios. E em um deles atingimos uma marca de 17.8 mil toneladas carregadas em um período de 24 horas”, conta orgulhoso.

E os ganhos vão muito além! “Ganhamos em sustentabilidade, com a natureza mais limpa do transporte ferroviário, e em otimização operacional, com um terminal moderno, colaboradores treinados e mais próximos ao embarque das cargas nos navios. A expectativa é que a Klabin se torne ainda mais competitiva mundialmente”, enfatiza Roberto Bisogni, diretor de Planejamento Operacional, Logística, Suprimentos e TI.  

O Terminal Portuário é mais um reforço do compromisso da Klabin em promover um constante crescimento atrelado aos valores de respeito ao meio ambiente e as comunidades próximas. Desta forma, garantimos que todos os nossos parceiros possam se sentir ainda mais seguros ao fechar negócio com a Companhia. Afinal, juntos construímos uma parceria de excelência para um futuro de sucesso.